secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

TST julga 250 processos por hora na pandemia

Foram julgados, em média, 1.746 processos por dia útil de trabalho. Reportagem do Revista TST mostra as principais ações no período.

Imagem aérea do edifício-sede do TST

Imagem aérea do edifício-sede do TST

06/10/21 – O Tribunal Superior do Trabalho (TST) aumentou sua produtividade em quase 24,47% nos 18 meses de pandemia. De março de 2020 a setembro de 2021, foram julgados mais de 523 mil processos, o que equivale a 1.743 processos por dia útil de trabalho, segundo dados da Coordenadoria de Estatística e Pesquisa do Tribunal.

Com a maioria dos servidores e magistrados atuando em teletrabalho desde o início da crise sanitária, o TST se adaptou à nova realidade para manter a prestação jurisdicional, sem comprometer a saúde e a segurança de todos. “O Tribunal demonstrou, ao longo do período, o seu compromisso com a sociedade, mantendo os serviços operados com qualidade”, destaca a presidente do TST, ministra Maria Cristina Peduzzi.

De acordo com a magistrada, o aumento da produtividade é resultado de um esforço conjunto e contínuo, que contou com o investimento em tecnologia para o aprimoramento de sistemas e softwares que garantem julgamentos e serviços cada vez mais efetivos. Além disso, ela lembra que a capacitação de magistrados e servidores proporcionou aprendizagem contínua para o aperfeiçoamento profissional e pessoal das equipes. “Os resultados são reflexos do sucesso dessa modalidade de trabalho e consequência direta do investimento constante da Justiça do Trabalho em tecnologia”, afirma. 

Confira a reportagem completa do Revista TST sobre as ações do TST durante o período.

(VC/TG)