secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

Boletim ao vivo | Operador de empilhadeira deve receber adicional de periculosidade por reabastecer o equipamento


                         Baixe o áudio
      

 

A Sétima Turma do Tribunal Superior do Trabalho concedeu a um operador de empilhadeira da Logística e Transportes Planejados Ltda. o adicional de periculosidade por exposição à substância inflamável GLP por cerca de dez minutos diários durante a troca do cilindro de gás para reabastecimento do equipamento. Os ministros entenderam que se trata de exposição intermitente ao agente periculoso.

 

Ouça os detalhes na reportagem de Raphael Oliveira.