secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

TST sedia Caravana Virtual do Centro de Inteligência do Poder Judiciário

O encontro terá como tema a Justiça do Trabalho. Os interessados na certificação devem se inscrever até 29/8.

26/08/21 – O Tribunal Superior do Trabalho (TST) recebe, na próxima terça-feira (31), às 10h, a 7ª edição da Caravana Virtual do Centro de Inteligência do Poder Judiciário. Organizado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat), o encontro terá como tema a Justiça do Trabalho e será aberto a magistrados, servidores e ao público em geral interessado na temática, com transmissão ao vivo pelo canal da Enamat no YouTube

A abertura será realizada pela presidente do TST e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), ministra Maria Cristina Peduzzi. Em seguida, a diretora da Enamat, ministra Dora Maria da Costa, presidirá a mesa “Centro de Inteligência do Poder Judiciário: pressupostos conceituais e o método de inteligência judicial”, com a participação do juiz federal Marco Bruno Miranda Clementino.

Caravanas

O Centro de Inteligência do Poder Judiciário (CIPJ) e a rede de Centros de Inteligência do Poder Judiciário foram criados em 2020 pelo Conselho Nacional de Justiça, com o objetivo de coordenar esforços contra a judicialização excessiva, a partir da prevenção de litígios na origem e do gerenciamento de demandas repetitivas. Uma das atividades dos centros são as Caravanas Virtuais, encontros quinzenais que permitem a capacitação e o aprimoramento das suas equipes. 

Cada edição é sediada por um tribunal diferente. Desde junho, a Caravana Virtual já passou pelo Conselho da Justiça Federal (CJF), pelos Tribunais de Justiça do Pará, de Minas Gerais, do Maranhão e do Distrito Federal e pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Certificação

Para as pessoas que desejam obter certificação, as inscrições estão abertas até 29/8, nos sites das escolas judiciais e da Enamat. Os inscritos receberão certificado de 2h/aula de participação, mediante o registro de presença durante as palestras e a apresentação de uma atividade avaliativa de magistrados e magistradas que participarem do evento.

Confira a programação completa e faça sua inscrição.