secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

TST divulga nota de pesar pelo falecimento do ministro classista Roberto Della Manna

O ministro faleceu na madrugada desta quinta-feira (16), aos 86 anos, em decorrência da Covid-19. 

A presidente do TST e do CSJT, ministra Maria Cristina Peduzzi, em nome da Corte, expressa seu profundo pesar pelo falecimento do ministro classista Roberto Della Manna, que atuou no Tribunal de julho de 1990 a junho de 1996. O ministro faleceu na madrugada desta quinta-feira (16), aos 86 anos, em decorrência da Covid-19. 

O magistrado, que participou da posse da nova direção do TST,em fevereiro deste ano, era o atual presidente do Conselho Superior de Relações do Trabalho e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Presidia e atuava ainda como 1º Delegado Efetivo do Sindicato da Indústria de Proteção, Tratamento e Transformação de Superfícies do Estado de São Paulo. 

Formado em Economia pela Universidade de São Paulo (USP), Roberto Della Manna iniciou sua vida profissional como industrial em 1963. No TST atuou por seis anos como ministro classista. Em 2013, presidiu ainda a RDM Associados Intermediação e Serviços de Créditos Ltda. 

Os ministros do TST expressam solidariedade à família enlutada.