secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

Operador de caldeira obtém adicional de periculosidade

Um operador de caldeira, no Espírito Santo, obteve o direito ao adicional de periculosidade por trabalhar próximo a dutos por onde passavam gases inflamáveis. A ação trabalhista do empregado chegou à Sexta Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que condenou a empresa a pagar o adicional de periculosidade de 30% do salário do profissional. Confira o caso na reportagem de Talia Santos.