secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

Dia do Médico: profissionais do TST relatam os desafios enfrentados na pandemia

No TST, consultas e acompanhamentos estão sendo realizados de forma virtual 

Em 18 de outubro é comemorado o Dia do Médico. E neste ano, em particular, além das merecidas homenagens, o momento será lembrado pela dedicação e empenho com que estes profissionais estão lidando com os desafios impostos pela pandemia da covid-19. A escolha da data no Brasil tem origem cristã, pois nesse dia também é celebrado o Dia de São Lucas, o santo protetor dos médicos.

No TST, 13 médicos de diversas especialidades compõem a equipe da Secretaria de Saúde do TST (Sesaud), que, desde março, devido à suspensão dos atendimentos ambulatoriais, estão realizando consultas apenas de forma telepresencial.

Aprendizado

Para a secretária de Saúde do TST, Esterlina Araújo, migrar para o atendimento virtual exigiu adaptação de toda a equipe. Medida necessária, segundo ela, para acolher os servidores em um momento de tantas incertezas. “Somos treinados para o atendimento com contato físico, o olho no olho. Mas nossa equipe sempre esteve ali orientando, esclarecendo dúvidas, fazendo o acompanhamento diário da evolução da doença, tentando minimizar, mesmo a distância, o sofrimento e o isolamento de quem nos procurou”, afirma.

Ao falar dos desafios enfrentados, emocionada, ela ressalta que o principal aprendizado desse momento, como profissional da área de saúde, é sobre humildade. “Precisamos reconhecer que não sabemos tudo. Somos humanos e passamos pelas mesmas angústias e incertezas. O que temos é apenas um pouco mais de controle e conhecimento, mas sofremos da mesma forma, com todas as dúvidas, medos e incertezas “, revela. 

Telemedicina 

Trabalhando desde 1993 no Tribunal, a médica infectologista Mirza Gomes acredita que o grande desafio durante a pandemia foi acalmar as pessoas diante de tanta desinformação. Por outro lado, os avanços trazidos pela telemedicina possibilitaram levar aos pacientes a devida orientação médica, encaminhar pedidos de exames, prescrever a medicação e acompanhar todo o tratamento, mesmo de forma remota. 

Segundo a médica, foram inúmeros os atendimentos prestados a magistrados, servidores, prestadores de serviços e estagiários. Muitas vezes sendo necessário estender a todos os familiares. “A telemedicina nos aproximou muito, permitindo-nos assumir o  papel do médico vocacionado, que é o de ter contato com o paciente, o que ouve e cuida. Apesar de distantes no espaço, estávamos juntos sempre acompanhando mais de perto a doença”, destaca. A infectologista ressalta que tem sido um aprendizado desafiador e gratificante.

Atendimento

O agendamento de consultas e esclarecimentos com a equipe de médicos da Secretaria de Saúde pode ser realizado de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, pelo telefone 3043-4289 ou 3043- 4468.

(Andrea Magalhães/AB)