secretaria@tupinamba.adv.br
55 (21) 2524-7799 / 2533-7137

Comitê de Governança Institucional do TST destaca avanços durante reunião

Colegiado tem como objetivo principal representar e executar as atribuições da Alta Administração com relação às funções de governança.

Impressão da tela da reunião telepresencial do Comitê de Governança Institucional

Impressão da tela da reunião telepresencial do Comitê de Governança Institucional

26/08/21 – A presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministra Maria Cristina Peduzzi, abriu, na manhã de terça-feira (24), a primeira reunião do Comitê de Governança Institucional. O grupo, responsável pela representação da Alta Administração do TST, tem como função reforçar o direcionamento do Tribunal, monitorando e avaliando as ações de gestão, por meio de um conjunto de mecanismos de liderança, estratégia e controle, com vistas à prestação de serviços de interesse da sociedade. 

A ministra Maria Cristina Peduzzi não escondeu a satisfação com o progresso das estruturas de governança no TST. “São avanços significativos diante dos momentos enfrentados”, avaliou. “Mesmo com a implementação do trabalho remoto, foi possível avançar e garantir mais eficiência na gestão da governança institucional do Tribunal”. 

O assessor-chefe de Gestão Estratégica, Márcio Cruz, destacou a importância da implantação do Programa de Governança do TST, conforme recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Ele também apresentou os resultados e os avanços dos comitês temáticos que compõem o Comitê de Governança Institucional.  

Contratações

O diretor-geral da Secretaria do TST, Gustavo Caribé, coordenador do Comitê de Governança de Gestão de Contratações, ressaltou a contribuição do Plano Anual de Contratações para a otimização do uso dos recursos públicos e para o aperfeiçoamento dos processos de contratações do TST. Segundo ele, o instrumento permite estabelecer prioridades para as contratações e a execução orçamentária. 

Sustentabilidade

O TST também evoluiu na gestão socioambiental, alinhada à agenda ODS 2030. De acordo com o 5º Balanço da Sustentabilidade do Poder Judiciário, o Tribunal alcançou, em 2020, o segundo maior índice de desempenho de sustentabilidade (IDS) da categoria de tribunais e conselhos superiores, com o percentual de 60,8%.

Outros destaques nesse quesito foram a aprovação do Plano de Logística Sustentável (PLS 2021-2026), que permite o controle das principais despesas e a melhora do desempenho, e a gestão de recursos ambientais de forma sustentável, com o aproveitamento de resíduos.

Gestão de Pessoas

O ministro Alexandre Ramos, coordenador do Comitê de Governança de Gestão de Pessoas, elencou as ações para garantir a saúde física, ergonômica e mental dos servidores, sobretudo durante a pandemia, que exigiu a execução das atividades por meio remoto. Entre elas, destacou a capacitação de magistrados e servidores, com mais de 25 cursos voltados para melhor gestão de tempo, e o aconselhamento para melhor qualidade de vida.

Também foi elaborado, pelo comitê, o Plano Diretor de Gestão de Pessoas, que prevê ações visando ao alcance das metas estratégicas já estabelecidas. 

Tecnologia da Informação e Comunicação

Coordenado pelo ministro Agra Belmonte, o Comitê de Governança de TIC teve papel fundamental no êxito do trabalho remoto e na continuidade das atividades fim e meio do TST.  Ao longo do ano, houve aperfeiçoamento da rede de computadores, investimento em segurança da informação e diversas melhorias para o aperfeiçoamento das rotinas de trabalho. Essas e outras medidas, além de permitirem o bem-estar do servidor, contribuíram para a celeridade ao jurisdicionado, com a prestação eficaz dos serviços.

A atuação do Comitê de TIC também se refletiu na área judiciária, em que o TST foi um dos primeiros órgãos a implementar o Balcão Virtual, de atendimento telepresencial aos jurisdicionados. O ministro Renato de Lacerda Paiva destacou, também, a vanguarda do TST em vários setores, como o volume de conciliações e a formação de magistrados com o uso de tecnologias.

(Secom/RT)